CEA

Companhia de Eletricidade do Amapá

Acessibilidade: A+ A() A-
NOTÍCIAS

MARACÁ E ÁGUA BRANCA DO CAJARI TAMBÉM TERÃO ENERGIA 24 HORAS

Por: Anne Santos - 31/01/2017 - 11:46

Governador Waldez Góes assinou a ordem para licitação da empresa que vai realizar os serviços de interligação

Foto: Sem Autor

Moradores, autoridades e lideranças comunitárias dos distritos de Maracá, no município de Mazagão, e Água Branca do Cajari, no município de Laranjal do Jari, participaram de um momento histórico para as comunidades. No início da tarde desta segunda-feira, 30, na vila de Maracá, o governador Waldez Góes assinou a autorização para a licitação das obras que interligarão os dois distritos ao Sistema Interligado Nacional (SIN) de energia elétrica.

Com a autorização do Governo do Estado do Amapá (GEA), a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) poderá iniciar o processo de licitação para contratar a empresa responsável pela obra que interligará os distritos ao restante da rede. Serão beneficiadas em média 850 famílias, nos dois distritos, que terão acesso a um produto de qualidade e com continuidade, obedecendo todos os padrões brasileiros de fornecimento de energia.

O projeto será realizado graças ao aporte financeiro do GEA na ordem de R$ 30 milhões, repassados à CEA, e também atenderá os distritos do Carnot e Lourenço, pertencentes ao município de Calçoene, totalizando mais de dez mil pessoas que serão beneficiadas. “Com esse aporte quitamos as dívidas da companhia para que ficasse adimplente e pudéssemos acessar outros recursos para execução dessa obra, trazendo benefícios para a população”, explicou o presidente da companhia, Marcelino Machado.

A expectativa é de que a partir do dia 15 de fevereiro seja publicado o processo licitatório que deverá ser finalizado no prazo de 90 dias.  Para a interligação, serão construídas duas linhas e duas subestações elevadoras: uma na entrada do ramal do Camaipi e outra em Água Branca do Cajari, que aumentarão a tensão elétrica de 13 mil para 34 mil volts. Todas as comunidades que estiverem ao longo dessas duas linhas serão beneficiadas. A CEA trabalhará para que a obra seja finalizada até dezembro deste ano, passando a atender a população com energia 24h.

Atualmente, o produto é gerado em termoelétricas e fornecido 12 horas por dia. “Tomamos uma decisão de realizar esse projeto que beneficiará a população desses distritos. É uma região produtiva, organizada com muitas entidades e projetos econômicos que dependem de energia. Então, proporcionaremos as condições de desenvolvimento ofertando o produto”, afirmou o governador Waldez Góes.

A extrativista Norma Bezerra, da comunidade Boca do Braço (Laranjal do Jari), avalia que a produção de biscoitos e paçocas de castanha aumentará consideravelmente com a energia 24 horas. Por ano, a associação com 200 integrantes produz três toneladas dos produtos. “Utilizamos o liquidificador para a produção e o tempo é curto. Com a energia 24 horas, teremos mais tempo e poderemos dobrar a produção”, explicou a empreendedora.

 Além disso, o fornecimento impactará diretamente em serviços de saúde, segurança e educação. Sobre a mudança no dia a dia das pessoas a resposta é unanime. “Vai melhorar tudo”, afirmou o transportador Hosana Farias.

Farias destacou os problemas enfrentados pelos moradores. “Passamos muita dificuldade com a falta de energia, principalmente para armazenar alimentos, que acabava estragando. Agora, com o governo trazendo energia 24 horas, será diferente, poderemos conservar a comida”, disse o transportador que aguarda ansioso a interligação.

Também participaram do evento os prefeitos de Mazagão, Dudão Costa, e de Laranjal do Jari, Márcio Serrão; acompanhados de vereadores e secretários municipais.

 


CEA-Companhia de Eletricidade do Amapá
Av Pe Júlio Maria Lombaerd, 1900 Macapá - AP CEP: 68.900-030
Tel: (96) 3212-1300 E-mail: cea@cea.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP
2017 - Licença Creative Commons 3.0 International

Amapá